Business to business, comumente chamado de B2B, é o tipo de comércio em que o consumidor final também é uma empresa. Nesse caso, algumas considerações precisam ser feitas: o tamanho e o tempo da venda são maiores e a decisão é tomada por mais pessoas. Por isso, a criação de conteúdos B2B possui algumas particularidades.

Para compreender essa questão, continue a leitura. 

Vantagens do B2B

O B2B vem se tornando uma técnica bastante atrativa e vantajosa devido a alguns pontos. É sobre isso que vamos falar a seguir:

  • O valor da venda é mais alto

O valor é mais alto devido à tecnologia envolvida e aos resultados gerados para o consumidor. Assim, a escala é maior e a proposta de valor é muito clara.

  • Fabricação em alta escala

Os produtos são fabricados em escala maior, trazendo um retorno financeiro mais alto e uma negociação mais segura.

  • Relacionamento a longo prazo

Por serem processos mais longos, as empresas dos dois lados têm uma relação mais sólida, o que traz maior segurança para o processo de venda.Isso torna o cenário mais previsível, com maior escalabilidade e recorrência. 

É importante lembrar que, apesar de ser voltado para a empresa, quem toma as decisões são pessoas. Assim, a comunicação precisa ser voltada para pessoas.

Considerando que empresas possuem perfis mais estáveis, criar conteúdos B2B se torna uma prática mais direta e assertiva.

Dicas do processo criativo para conteúdos B2B

  •      Não crie conteúdos muito secos e diretos: invista em uma comunicação humanizada.
  •     Escolha um segmento e direcione toda a sua comunicação para ele.
  •      Coloque a personalidade de sua empresa na frente, não a sua.
  •      Faça pesquisas periódicas com seus clientes e entenda a dor deles para auxiliar na criação dos conteúdos B2B.
  •      Utilize os próprios colaboradores para personalizar o conteúdo, isso é, ao invés de criar vídeos institucionais, por que não criar vídeos de colaboradores? Além deles se sentirem valorizados, isso irá mostrar que a empresa é feita de pessoas que se comunicam com pessoas. 

Devemos nos lembrar de que, por trás de uma empresa, quem cria e toma decisões são as pessoas. E é através desse raciocínio que conseguimos nos conectar com nossos clientes.

Empresas conversando com empresas nada mais é do que pessoas conversando com pessoas. Então, ao criar conteúdos B2B devemos sempre nos lembrar primeiramente do people to people. 

E quando pensamos a respeito disso, as coisas se tornam mais fáceis e sabemos como construir relações mais sólidas com nossos clientes. 

Quer mais dicas assim? Acompanhe nossos perfis no Instagram e Facebook e continue de olho aqui no blog. 

Tags:, , , ,

Leave a Reply